O sentido da vida ou a vida com sentido?

12 de junho de 2020

Provavelmente, em algum momento da sua existência, seja por alguma dificuldade vivida ou um sentimento de vazio existencial, não importa a idade, você já parou para pensar nisso: Qual o sentido da vida?

Vivemos em uma era cujo objetivo é ser feliz. Mas, é possível ser feliz a todo momento? O que nos traz a real sensação de felicidade plena? Em uma sociedade que valoriza o sucesso pessoal e as pessoas bem sucedidas, é preciso saber a diferença entre ser útil e ser digno de valor.

Abundância, Propósito e Gratidão são temas recorrentes quando se fala em busca de sentido para a vida. E estes valores se traduzem em um sentimento de amor puro, que pode se transformar em um estado de felicidade verdadeira.

O que os especialistas dizem?

Segundo Deepak Chopra, é possível conhecer a verdadeira abundância quando sentimos alegria, saúde ou senso de propósito e vitalidade em todos os momentos da vida. E para isso, precisamos fazer escolhas conscientes, diariamente. A cada escolha você deve se perguntar: Isso vai trazer mais felicidade e abundância para minha vida e para a vida daqueles ao meu redor?

No programa “21 dias de abundancia”, do Deepak Chopra Center, as meditações guiadas convidam a observar as bênçãos da vida, a natureza, a valorizar a saúde, a ter um sentimento de gratidão por tudo que se tem e que importa na vida, focando na alegria e na perfeição do que existe no momento presente. Não fazer julgamentos e saber que somos todos iguais, realizando a ideia de viver em unidade.

Sentido da vida e gratidão - 60+
O sentimento de gratidão vem do coração e é uma sensação gentil, que aquece e traz um sorriso no rosto. A gratidão traz o suporte necessário à vida, dando maior sentido à existência. Ao observar tudo isso, se experimenta o amor puro, que vem da essência.

A visão de Viktor Frankl

Viktor Frankl é um psiquiatra sobrevivente dos campos de concentração nazistas. Em seu livro “em busca de sentido”, ele faz uma reflexão sobre a natureza humana a partir dos horrores vividos. Ele descreve momentos em que os prisioneiros, não tendo conhecimento se os entes queridos estavam ou não vivos, se deparavam conversando no imaginário com esses seres amados, como se realmente estivessem ali, ao lado, se comunicando com eles. Isso faz com que o psiquiatra chegue à seguinte conclusão:

“O amor pouco tem a ver com a existência física de uma pessoa. Ele está ligado a tal ponto à essência espiritual da pessoa amada, a seu ‘ser assim’ (nas palavras dos filósofos) que a sua ‘presença’ e seu ‘estar-aqui-comigo’ podem ser reais sem sua existência física em si e independentemente de seu estar com vida”.

Frankl conclui que a felicidade não pode ser buscada; precisa ser decorrência de algo. Segundo ele, o ser humano não é alguém em busca da felicidade, mas sim alguém em busca de uma razão para ser feliz.

Sentido da vida - 60+

Nesse contexto, ele acredita que nada no mundo contribui mais para a sobrevivência, mesmo nas piores condições, como saber que a vida da gente tem um sentido, que existe uma tarefa a cumprir, seja ela relacionada à pessoas ou à realizações. Ele pôde testemunhar esse comportamento nos campos de concentração nazistas: “Aqueles que sabiam que havia uma tarefa esperando por eles tinham as maiores chances de sobreviver”.

Então, o Dr. Frankl criou um doutrina terapêutica chamada de “logoterapia”, que se apoia no sentido da existência humana, bem como na busca da pessoa por esse sentido. Ele definiu o seguinte princípio para atingir este objetivo: “Viva como se já estivesse vivendo pela segunda vez, e como se na primeira vez você tivesse agido tão errado como está prestes a agir agora”.

Logoterapia e o sentido da vida

De acordo com a logoterapia, podemos descobrir sentido na vida de três diferentes formas:

  1. Criando um trabalho ou praticando um ato;
  2. Experimentando algo (bondade, verdade, beleza, natureza, cultura) ou encontrando alguém (amando-o);
  3. Pela atitude que tomamos em relação ao sofrimento inevitável (o sofrimento deixa de ser sofrimento no instante em que encontra um sentido);

Em resumo, segundo o Dr. Frankl, “não importa o que nós esperamos da vida, mas sim o que a vida espera de nós”. O sentido da vida é individual, é único. Sendo assim, a resposta para busca por sentido também é. No final das contas, trata-se de dizer sim à vida, apesar de tudo, independente de tudo. Isso significa valorizar a capacidade humana em transformar os aspectos negativos da vida em algo positivo.

Portanto, ter um objetivo que valha a pena garante a energia e vivacidade para seguir em frente, ao encontro da realização desse objetivo. E desse modo, viver a vida com sentido

MANIFESTO 60+

A VIDA NÃO TEM HORA, PURA VERDADE,
TEM SÓ VONTADE DE ACONTECER,
SESSENTA MAIS, CELEBRE A IDADE
E A VONTADE DENTRO DE VOCÊ.

QUEM ACREDITA NA LONGEVIDADE,
NÃO VÊ NA VIDA LIMITAÇÃO,
VIVE A TAL DA FELICIDADE
E A CAPACIDADE DE REINVENÇÃO

NÃO SE TRATA DA DATA DE NASCIMENTO,
E NEM DAS MARCAS NA SUA MÃO.
O QUE IMPORTA AQUI É O SEU PENSAMENTO.

É SOBRE VOAR COM PÉS NO CHÃO,
SEM LIGAR PARA OS CAPRICHOS DO TEMPO.
É SOBRE SER LEVE, SER INSPIRAÇÃO.

VIVER BEM NÃO SE TRATA DA IDADE QUE TEMOS, MAS DO QUANTO SOMOS APAIXONADOS PELA VIDA.

Foi com esse pensamento que criamos o 60+, um portal que celebra a vida e traz curiosidades, dicas e novas possibilidades para ajudar você a se reinventar para viver a longevidade em toda a sua plenitude. Um novo olhar para mostrar que nossos limites, muitas vezes, não são impostos pela idade, mas pelos nossos próprios pensamentos. Queremos que este portal seja um cantinho aconchegante para se inspirar, compartilhar ideias e ficar por dentro de todas as incríveis possibilidades que a vida pode oferecer nesse momento.

POR QUE EXISTIMOS.

Nossa missão é apresentar aos 60+ um novo olhar sobre a vida, por meio de curiosidades, dicas de eventos, viagens, saúde e outras informações. Queremos incentivar você a se reinventar por meio de novas experiências para desfrutar uma longevidade feliz, explorando muito mais as possibilidades que os limites.

ONDE QUEREMOS CHEGAR?

Queremos ser a principal referência de conteúdo para os 60+, nos tornando responsáveis por uma mudança de comportamento positiva, que traga muito mais qualidade para a sua longevidade.

QUAIS SÃO OS NOSSOS VALORES?

Respeito, amor, compreensão, colaboração, honestidade. Acreditamos que valores não têm idade. Em tudo que fazemos, procuramos seguir a seguinte filosofia: nos tornamos aquilo que acreditamos, somos frutos de nossas ações e é a vontade de viver que temos em nossos corações que realmente importa.

POLÍTICA DE PRIVACIDADE | © 2020 – 60MAIS. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.